28 de noviembre de 2014

EXPO: "Juan Navarro Baldeweg. Un Zodíaco” - Museo ICO (MAD)


Como reconocimiento a toda su carrera, Juan Navarro Baldeweg ha sido galardonado con el Premio Nacional de Arquitectura que cada año otorga el Ministerio de Fomento. El arquitecto y artista cántabro se formó en la Escuela de Bellas Artes de San Fernando y posteriormente estudió arquitectura en la Escuela Técnica Superior de Arquitectura de Madrid. En los años 70 continuó sus investigaciones en el Center of Advanced Visual Studies en Massachussets y años después comenzó su carrera como académico.

Sus proyectos arquitectónicos están repartidos por toda la geografía española y parte del mundo, con obras de gran envergadura como la reurbanización del área de San Francisco el Grande y Puerta de Toledo en Madrid, el Museo de Altamira, la rehabilitación de la Biblioteca Hertziana de Roma, el Instituto de Patrimonio Cultural y Paisajístico de Amesfoort, el Museo de la Evolución Humana de Burgos o los Teatros del Canal de Madrid.


La concesión de este premio coincide con la exposición que el Museo ICO inauguró el pasado mes de octubre en sus salas. La muestra “Un Zodíaco. Juan Navarro Baldeweg”, producida por la Fundación ICO, constituye una retrospectiva sobre la obra arquitectónica de Navarro Baldeweg, con maquetas, planos y croquis en diálogo con algunas de sus piezas artísticas, permanecerá abierta al público hasta el 1 de febrero de 2015, con un nuevo horario ampliado que incluye los domingos por la tarde, hasta las 20.00 h. Sin duda, una magnífica oportunidad para conocer la extensa trayectoria de este arquitecto español, que por primera vez puede contemplarse de forma unitaria en este amplio recorrido por toda su arquitectura.

Horarios y días de apertura
8 de octubre de 2014 – 1 de febrero de 2015.
De martes a domingo: 11.00 - 20.00 h.
Festivos: 10.00 - 14.00 h.

Vacaciones de Navidad
24, 31 de diciembre y 6 de enero: 10.00 - 14.00 h.
Cerrado: 25 de diciembre y 1 de enero

Más información
Twitter: @museoico
Facebook: MuseoICO

15 de octubre de 2014

CONCURSO: Parque do Mirante - Piracicaba - SP


APRESENTAÇÃO

A Prefeitura do Município de Piracicaba – SP, com a parceria de várias Secretarias e Autarquias (SETUR/SEDEMA/SEMOB/SEMUTTRAN/SEMTRE/SEMAC/IPPLAP/SEMAE), nos termos da legislação vigente e do contrato celebrado com o Instituto de Arquitetos do Brasil - Departamento de São Paulo (IABsp), entidade organizadora, promove e torna pública a abertura de inscrições do Concurso Nacional que terá como objetivo a seleção de projetos de arquitetura para a requalificação de um importante espaço público de nossa cidade, o Parque do Mirante, que é um patrimônio natural, histórico, cultural e turístico de nosso município.

A intenção principal de promover este Concurso Nacional é abrir a oportunidade de participação da sociedade e de profissionais de arquitetura e de urbanismo do país em um projeto de alto significado para Piracicaba, ampliando as possibilidades de recebermos propostas criativas e inovadoras que requalifiquem esse relevante espaço às margens de nosso rio, estimulando a preservação do patrimônio histórico e natural para diferentes usos, que englobem atividades pedagógicas, de entretenimento, lazer e turismo.

Além da participação dos profissionais de arquitetura e urbanismo, que poderão inscrever projetos, a Prefeitura de Piracicaba também convida toda a sociedade para participar, enviando sugestões e ideias do que julgam importante manter ou resgatar no processo de requalificação do Parque. Durante o período de 50 dias, do dia 20/11/2014 ao dia 08/12/2014, o site do concurso, www.iabsp.org.br/parquedomirante estará aberto ao envio de sugestões de todos os interessados em participar deste processo e contribuir com ideias, que serão analisadas por um corpo técnico do IAB e verificada a possibilidade de inclusão técnica dessas sugestões no edital do Concurso, que orientará os arquitetos interessados em participar na elaboração dos projetos.

Convidamos, portanto, a sociedade, em especial a piracicabana, para participar com sugestões, e os arquitetos e urbanistas de nossa cidade e de todo o Brasil a inscrever seus projetos neste Concurso, para que possamos entregar para a cidade de Piracicaba o Parque do Mirante requalificado, resgatando e valorizando este importante espaço público e, principalmente, tornando a infraestrutura urbana daquele local propícia para o convívio e lazer de seus habitantes e de seus visitantes.

CRONOGRAMA

inscrições
20 OUT — 05 dez 2014

disponibilização das bases
20 OUT 2014

consultas
27 OUT — 29 nov 2014

entrega dos trabalhos
08 dez 2014

Mais informações no Site Oficial do Concurso.

14 de septiembre de 2014

WDA2014: "Healthy Cities, Happy Cities"


DÍA MUNDIAL DE LA ARQUITECTURA 2014: CIUDADES SALUDABLES, CIUDADES FELICES

El 6 de octubre de 2014 tendrá lugar el Día Mundial de la Arquitectura y en esta ocasión lo hará bajo el lema “Ciudades saludables, Ciudades felices”. La UIA invita a sus miembros a organizar actividades relacionadas con el evento que enfaticen el papel del arquitecto y de la arquitectura en la vitalidad de los asentamientos urbanos y el bienestar de sus habitantes. 

¿Cómo pueden los arquitectos diseñar y construir espacios, instalaciones, viviendas y paisajes urbanos “saludables” que fomentan la felicidad, la salud y la calidad de vida de los ciudadanos?

¿Por qué medios los arquitectos son capaces de dar vida a las ciudades, para infundirles energía, para asegurar su viabilidad, para tratar y anticipar trastornos, para evitar la desintegración, para acompañar su desarrollo armonioso?

El diseño arquitectónico responsable ha puesto de relieve el papel del arquitecto y sus responsabilidades para diseñar un entorno construido sostenible a través de una práctica profesional ética en las áreas de energía, la ejecución y materiales.

El tema de este año para el Día Mundial de la Arquitectura 2014 fue concebido por la UIA para ilustrar la expansión de estas prácticas y su impacto en el espacio urbano, así como en toda la ciudad. El tema también es una faceta del compromiso global de la UIA a las instituciones internacionales que defienden la salvaguarda del planeta, la calidad del aire, el agua, la tierra y todos los elementos que contribuyen a la salud de los asentamientos humanos.


Más información acerca del "World Architecture Day 2014": uia@uia-architectes.org

Fuente: UIA (Unión Internacional de los Arquitectos)

5 de septiembre de 2014

FLIP - Feira Literária de Paranapiacaba 2014 (BRA)


FLIP - Feira Literária de Paranapiacaba 2014
1° Feira Literária de Paranapiacaba - Homenagem a Escritora Hilda Hilst.

De 4 a 7 de Setembro de 2014
Quinta-feira a Domingo das 10h00 às 17h00
Parte baixa da Vila Turística de Paranapiacaba.

EVENTO GRATUITO!


Para maiores informações, entre em contato no e-mail:
fliparanapiacaba2014@outlook.com

Ou através do site:

3 de septiembre de 2014

10º Seminário Internacional "NUTAU 2014" em São Paulo (BRA)


NUTAU 2014 - Megaeventos e Sustentabilidade:
Legados tecnológicos em Arquitetura, Urbanismo e Design

10 a 12 de setembro de 2014
Centro de Exposições Imigrantes,São Paulo, Brasil


APRESENTAÇÃO
O NUTAU/USP – Núcleo de Pesquisa em Tecnologia da Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, ligado à Pró-Reitoria de Pesquisa da USP, vêm realizando desde 1996 Seminários Internacionais sobre temas de destacado interesse na área da Tecnologia da Arquitetura e Urbanismo e, mais recentemente, Design.

Atualmente, o Seminário Internacional NUTAU 2014 está sendo organizado e promovido pelo núcleo. Seu tema é “Megaeventos e sustentabilidade: legados tecnológicos em Arquitetura, Urbanismo e Design”, discutindo a produção recente de obras voltadas aos dois principais megaeventos esportivos (a Copa do Mundo e Jogos Olímpicos e Paralímpicos) em diversas cidades do Brasil que apresentam inovações tecnológicas em busca da sustentabilidade nos campos da Arquitetura, Urbanismo e Design.



OBJETIVO
- Apresentar um quadro recente de realizações tecnológicas em obras voltadas aos megaeventos com uma avaliação crítica/propositiva por parte de seus representantes convidados
- Discutir temas de interesse para os pesquisadores envolvidos nos seminários NUTAUs, sempre voltados para a sustentabilidade e inovação em Tecnologias para a Arquitetura, Urbanismo e Design, na produção de equipamentos sociais voltados ao lazer, esporte e cultura
- Apresentar e divulgar trabalhos científicos inéditos de autores nacionais e internacionais.
- Facilitar a criação de cooperações técnico-científicas e convênios entre entidades voltadas à pesquisa nessas áreas


TEMÁTICAS PARA OS TRABALHOS CIENTÍFICOS
- TTC 1 .planejamento e gestão urbana;
- TTC 2. projetos urbanísticos e paisagísticos;
- TTC 3. projetos habitacionais e retrofit;
- TTC 4. conforto ambiental e eficiência energética;
- TTC 5 projetos de design/ comunicação visual e de produto
- TTC 6. segurança contra incêndios, acessibilidade e desenho universal;
- TTC 7. mobilidade urbana;
- TTC 8. APO – avaliação pós-ocupação;
- TTC 9 equipamentos voltados ao esporte e cultura


DATA E LOCAL DO EVENTO
O seminário será realizado durante três dias, de 10 a 12 de setembro de 2014, durante a realização de quatro feiras voltadas à tecnologia da construção civil e arquitetura (FESQUA, VITECH, ARCTECH e FEITINTAS) todas promovidas pelo Grupo CIPA Fiera Milano, no Centro de Exposições Imigrantes, São Paulo, Brasil.

Fonte: NUTAU / USP

25 de agosto de 2014

Lançamento do Concurso Anexo Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro (BRA)


A Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região Portuária (CDURP) e a Fundação Biblioteca Nacional promoverão um concurso nacional de arquitetura, que será organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil do Rio de Janeiro (IAB-RJ), para reformar a antiga Estação de Expurgo de Grãos do Ministério da Agricultura, no Centro do Rio. A proposta é transformar o prédio, que já abriga parte do acervo de periódicos da Fundação Biblioteca Nacional, no mais novo centro cultural da Região Portuária. O lançamento da competição que vai escolher o projeto de intervenção acontecerá no dia 26 de agosto, na sede do IAB-RJ, às 18h30min, e a publicação do edital deve acontecer na primeira semana de setembro.

A proposta da Fundação Biblioteca Nacional é transferir toda a sua imensa coleção de periódicos, com exemplares que remontam ao século XIX e alguns títulos raros, revistas e algumas publicações variadas para o antigo prédio do Ministério da Agricultura. Parte da área técnica da instituição também será deslocada para a região portuária. Com a intervenção, a edificação deverá atingir uma área de 30 mil metros quadrados.

“Com a requalificação do prédio, os setores de conservação e restauro, microrreprodução e digitalização, datacenter e BNDigital, registros de livros e direitos autorais farão parte da edificação. Além disso, o programa prevê a criação de uma sala de leitura, auditório, espaço de exposições e uma biblioteca de acesso público, configurando um importantíssimo equipamento cultural para a cidade”, explicou Renato Lessa, presidente da Fundação Biblioteca Nacional.

Segundo o presidente da CDURP, Alberto Silva, a reforma do prédio anexo da Biblioteca Nacional será importante no processo de revitalização da região portuária, empreendida pela Prefeitura do Rio:

“Este núcleo da Biblioteca Nacional é mais um forte exemplo de patrimônio público que era subutilizado, e agora, como parte da revitalização da região, vai servir a pesquisadores, estudantes e ao público em geral como mais um equipamento cultural de alto nível.”

A coordenadora do concurso, Norma Taulois, defende a realização de concurso para intervenções em equipamentos importantes como a do Anexo da Biblioteca Nacional. Para a arquiteta, essa modalidade de contratação de projeto permite que o universo dos arquitetos brasileiros pense sobre a proposta mais adequada de trabalho.

“A realização de um concurso de arquitetura é a forma mais democrática e transparente para a escolha de projetos de obras públicas. O Porto Maravilha, além de trazer vida a uma região esquecida, reforça a importância histórica do Centro do Rio de janeiro. Nesse contexto, o Anexo da Fundação Biblioteca Nacional vem contribuir como mais um marco da cultura nacional”, afirmou Norma Taulois.

Repositório legal de todo o patrimônio bibliográfico produzido em território nacional, o histórico prédio da sede da Fundação Biblioteca Nacional, localizado na Cinelândia, não tem mais capacidade física para abrigar seu crescente acervo. Na década de 1980, a Biblioteca recebeu o prédio da antiga Estação de Expurgo de Grãos do Ministério da Agricultura para ampliar a sua área de armazenamento, mas a capacidade atual está no limite.

Lançamento do Concurso Anexo da Biblioteca Nacional
Quando: terça-feira, 26 de agosto
Horário: 18h30min

Local: sede do IAB-RJ
Endereço: Rua do Pinheiro, 10, Flamengo

Fonte: IAB/RJ

5 de junio de 2014

EXPOSIÇÃO: Oscar Niemeyer: clássicos e inéditos (SPO)


Um dos personagens mais influentes da arquitetura moderna mundial, Oscar Niemeyer tornou-se ícone de uma época e de um estilo. Em reconhecimento a esse artista, o Itaú Cultural inaugura no dia 4 de junho a exposição Oscar Niemeyer: clássicos e inéditos ‒ uma seleção de projetos e materiais raros sobre obras clássicas, além de fotografias e maquetes.

Com curadoria de Lauro Cavalcanti e expografia de Pedro Mendes da Rocha, além dos trabalhos em si, a mostra examina o processo de criação de Niemeyer, possibilitando uma percepção única de sua produção. “O objetivo é revelar projetos inéditos que, por vários motivos, permaneceram no papel e, agora, são trazidos ao público por um extenso trabalho de pesquisa e digitalização de originais”, destaca Lauro.

© m2dsarchitects

Os desenhos de Oscar Niemeyer provêm, em sua grande maioria, de cadernos de trabalhos não executados. Eles nos permitem ver a metodologia do arquiteto e entender um pouco mais de seu modo de conceber, desenhar, escrever e, em alguns casos, acompanhar o desenvolvimento dos projetos. Com patrocínio do Itaú Unibanco, a Fundação Oscar Niemeyer realizou a digitalização de 4.800 desenhos e croquis originais de seu acervo, e parte desse material está presente na mostra.

Entre os materiais jamais expostos estão os originais do conjunto de 20 croquis preparados por Oscar Niemeyer, em 1997, para ser multiplicados e percorrer universidades de todo o país, e cópias heliográficas da sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, interferidas por traços de lápis de cor.

Merece atenção especial o projeto da cidade de Negev, em Israel, desenhada em 1964, apenas três anos após a inauguração de Brasília. Com características praticamente opostas à capital brasileira, Niemeyer tira completamente o protagonismo do automóvel, adota a verticalidade nas habitações e estabelece distâncias entre casa, trabalho e lazer que possam ser percorridas a pé, como numa antiga cidade medieval.

© m2dsarchitects

 © m2dsarchitects

Alguns dos maiores símbolos arquitetônicos de São Paulo – Copan, Memorial da América Latina e marquise do Parque Ibirapuera – foram produzidos na prancheta de Oscar Niemeyer, assim a exposição dedica um de seus espaços à relação do arquiteto com a cidade. Será possível acompanhar o raciocínio do arquiteto na criação de espaços urbanos. Entre as décadas de 1930 e 1990, Niemeyer projetou construções como o Centro Técnico da Aeronáutica (1947), o Clube dos 500 (1950), a fábrica da Duchen (1950) e a sede da Companhia Energética de São Paulo [Cesp (1979)].

Oscar Niemeyer: clássicos e inéditos
5 de junho a  27 de julho de 2014
terça a sexta das 9h às 20h; sábados, domingos e feriados das 11h às 20h
Piso 1, -1 e -2

Itaú Cultural
Avenida Paulista, 149 - São Paulo - 01311-000 
[Estação Brigadeiro do metrô]

Entrada franca
[livre para todos os públicos]

22 de mayo de 2014

Arquiteto: João Filgueiras Lima - Lelé (1932-2014)


"Considerado por Lúcio Costa um dos três mais importantes nomes da Arquitetura Modernista Brasileira, 'o arquiteto onde a arte e tecnologia se encontram e se entrosam - o construtor', faleceu na manhã de hoje (21/05), em Salvador, o arquiteto João Filgueiras Lima, o Lelé. Ele foi responsável por obras que transformaram a forma como o Brasil olhava sua Arquitetura. Desde o trabalho na construção de Brasília, passando pela criação da Fábrica de Equipamentos Comunitários em Salvador até o desenvolvimento da Rede Sarah de Hospitais, ele soube como ninguém unir técnica e arte, função e sensibilidade.

Lelé estava há longo tempo enfermo em decorrência de um câncer. Seu corpo será velado na capital baiana e depois transladado para Brasília, onde ocorrerá o sepultamento, na ala de pioneiros do Cemitério Campo da Esperança. Natural do Rio de Janeiro, tinha 82 anos. O arquiteto deixa três filhas e três netos".

"Sua produção, vasta e diversificada, será destaque do pavilhão brasileiro da 14a Bienal de Veneza, que começará no próximo dia 7 de junho. Entre seus principais projetos estão os hospitais da Rede Sarah (Brasília e sete outras capitais), o Centro Administrativo da Bahia, a Fábrica de Equipamentos Comunitários (FAEC) de Salvador e os prédios dos TCUs de oito capitais. A pedido do amigo Darcy Ribeiro, também projetou o Beijódromo na Universidade de Brasília".

Veja mais informações em CAU/BR (Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil).

10 de abril de 2014

Exposición: La Biblioteca del Greco, en el Museo del Prado (ESP)

LA BIBLIOTECA DEL GRECO 
1 abril - 29 junio 2014

Museo Nacional del Prado
Calle Ruiz de Alarcón 23 Madrid 28014

Imagen: Rodrigo de la Fuente (?), El Greco. Óleo sobre lienzo, 96 x 82,3 cm, h. 1582-1585. Madrid, Museo Nacional del Prado

Comisarios: Javier Docampo, Jefe del Área de Biblioteca, Archivo y Documentación del Museo Nacional del Prado, y José Riello, profesor del Departamento de Historia y Teoría del Arte de la Universidad Autónoma de Madrid

El Museo del Prado, la Biblioteca Nacional de España y la Fundación El Greco 2014 presentan la exposición “La biblioteca del Greco”, una muestra que además de reconstruir parte de la biblioteca del artista, invita a reflexionar sobre las interpretaciones tradicionales creadas en torno a su figura y su obra fundamentándose en los libros que el Greco tenía entre sus bienes y sus anotaciones al tratado de arquitectura de Vitruvio y las Vidas de Vasari. Junto a ellos se exponen también un ejemplar con obras de Jenofonte y otro con las de Apiano Alejandrino, que formaron parte de su biblioteca.

“La biblioteca del Greco” reconstruye las raíces teóricas y literarias del arte del Greco a través de 39 libros -cuatro de los cuales fueron de su propiedad-, y que se han podido identificar gracias a los dos inventarios realizados por su hijo Jorge Manuel en 1614 y 1621. La muestra se completa con tres manuscritos, los originales de los inventarios y una carta del Greco al cardenal Alessandro Farnese; nueve estampas, fundamentalmente obras de Cornelis Cort y de Alberto Durero, que fueron referencias ineludibles para el pintor; y cinco pinturas que muestran las variadas relaciones que pueden establecerse entre los cuadros y los libros del cretense, como El soplón o La Anunciación. En total, 56 obras que aproximan al visitante a lo que el Greco leyó y escribió, a sus conocimientos y a sus reflexiones como vehículo para comprender las ideas sobre el arte de la pintura que subyacen en su obra.

Haz click aquí para más información acerca de la exposición, consulta del listado de obras y programa de actividades relacionadas con la muestra.

3 de abril de 2014

Convocatoria: Premio de Arquitectura DOM3 PRIZE 2014 (ESP)


Nos invitan a todos los profesionales del campo de la arquitectura a participar en el DOM3 Prize 2014, organizado por la Asociación de Empresarios para la Vivienda de Alta Calidad (DOM3), que aglutina a profesionales con experiencia en diversos sectores.

SOBRE O CONCURSO
Este año es la primera edición del Premio de Arquitectura DOM3 PRIZE. Premio que consiste en la creación de una vivienda en la urbanización La Zagaleta, socio oficial de esta edición, que ha puesto a disposición de los participantes una parcela para la construcción de una villa unifamiliar de alta gama en un enclave privilegiado.

En esta primera edición de DOM3 PRIZE pueden participar arquitectos de todas las nacionalidades que se encuentren capacitados legalmente para ejercer la profesión en territorio español. La fecha límite de presentación de los trabajos concluirá el jueves 30 de mayo de 2014 a las 22.00 horas.

Con la convocatoria de este premio se propone a los concursantes que reflexionen sobre la vivienda de alta gama como máxima expresión de diseño, calidad y ubicación, tratando de unificar arquitectura, paisajismo e interiorismo en una sola creación. Además, el objetivo que perseguimos con DOM3 PRIZE es promover el desarrollo del segmento de las villas de alta gama en Marbella y su área de influencia.

Los participantes podrán realizar consultas a través del correo electrónico de la Secretaría del DOM3 PRIZE hasta el día 14 de abril y todas ellas, de forma anónima, así como las aclaraciones pertinentes realizadas por la organización del concurso se publicarán en nuestra página web el día 29 de abril.

BASES DEL PREMIO
Pueden descargar las bases del premio en formato PDF aquí. Igualmente, aquellas personas interesadas en participar deben hacer rellenar el siguiente documento, junto a la declaración esta declaración de responsabilidad.

Los planos de la parcela asignada por La Zagaleta pueden descargarse aquí.

Cualquier consulta que tengan pueden ponerse en contacto con la organización del premio. DOM3 Prize: secretaria@dome3.es

31 de marzo de 2014

EVENTO: Manifestação em defesa da Arquitetura e Engenharia (MP 630/13)

As instituições que representam os projetistas do país, além de entidades estudantis, promoverão manifestação a favor da arquitetura e contra a Medida Provisória 630/13, que amplia os poderes do polêmico Regime Diferenciado de Contratação (RDC). O ato público será realizado em frente ao Anexo II da Câmara dos Deputados, na próxima quarta-feira, 2 de abril, a partir das 14h. Manifestantes utilizarão máscaras de Oscar Niemeyer e Lúcio Costa para lembrar a importância da arquitetura de qualidade na construção das cidades brasileiras.

O Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), a Federação Nacional de Arquitetos e Urbanistas (FNA), a Associação Brasileira de Escritórios de Arquitetura (AsBEA), a Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura (ABEA), a Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas (ABAP) e a Federação dos Estudantes de Arquitetura (FeNEA) organizam o movimento.

Aprovada por Comissão Mista do Congresso em 25 de março, a MP 630/13 tem prazo até dia 3 de abril para ser votada pelos parlamentares. A medida sacramenta a dispensa de “projeto completo” nas licitações de obras e serviços de Engenharia, e amplia o RDC para todos os empreendimentos contratados pela União, estados e municípios.

Na prática, isso permite que as licitações sejam feitas sem projetos, ficando por conta dos empreiteiros o pacote que envolve projeto executivo, obras, testes e demais operações inerentes ao empreendimento. Trata-se da chamada “contratação integrada”.
Os projetistas protestam contra “a promiscuidade existente quando projeto e obra ficam por conta das construtoras, pois isso induz à baixa qualidade, reajustes, superfaturamentos e atrasos. Quem projeta obra pública não deve construir e vice-versa”, diz Haroldo Pinheiro, presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR)

O presidente do IAB, Sérgio Magalhães, destaca a importância de se licitar obras apenas com o projeto completo. “É através do projeto executivo completo que se especifica as necessidades, a volumetria, a infraestrutura, os materiais e os outros componentes que servirão, inclusive, de parâmetros para os orçamentos”, afirma Sérgio Magalhães. “A inexistência do projeto executivo impossibilita o poder público de fiscalizar o que contratou com recursos arrecadados dos cidadãos”, argumenta Haroldo Pinheiro.

Fonte: CAU/BR

23 de febrero de 2014

Exposición: The Architect is Present (MAD)

A partir del 13 de marzo de 2014

Fundación ICO. 
Paseo del Prado, 4 - 28014 - Madrid.

La exposición ‘The Architect is Present’ muestra la obra de cinco influyentes estudios internacionales que han hecho de la austeridad su referente ético y estético. 


Extendidos por los cinco continentes, estos jóvenes arquitectos trabajan en entornos de economía precaria, mostrando que la escasez de recursos puede ser un estímulo para la inventiva técnica y la participación comunitaria, y el fundamento de una arquitectura responsable donde la vocación de servicio no excluya la belleza y la emoción. 

Desde Noruega y Alemania hasta Burkina Faso, y desde Paraguay hasta Australia pasando por la India o Tailandia, estos estudios han construido alojamientos, escuelas rurales o centros sociales de extraordinaria economía de medios, admirable adecuación a las necesidades colectivas y ejemplar materialización constructiva, ofreciendo inspiración a los muchos arquitectos que hoy persiguen reconciliar el compromiso moral con la excelencia artística.

Para facilitar la comunicación de sus ideas, cada uno de los arquitectos dirigirá un taller de dos semanas a un grupo escogido de estudiantes avanzados y titulados recientes que —asistidos de forma permanente por mentores expertos— se desarrolla en el propio marco de la exposición, promoviendo así el contacto directo con los visitantes. 

El material producido en los talleres sucesivos se va incorporando a la muestra, que resulta de esta forma enriquecida por los resultados de ese diálogo profesional y académico. Y con el objeto de extender más aún el conocimiento de los principios que articulan este movimiento de regeneración de los vínculos entre arquitectura y sociedad, los cinco protagonistas de la exposición imparten numerosas conferencias en diferentes Escuelas de Arquitectura del país, llevando a los más jóvenes su mensaje de responsabilidad y de optimismo.

Diébédo Francis Kéré
TYIN Tegnestue

Anupama Kundoo

Solano Benítez 

Anna Heringer
El título de la muestra remite a la performance realizada por Marina Abramovic en el Museo de Arte Moderno de Nueva York en la primavera de 2010, ‘The Artist is Present’, que durante más de 700 horas mantuvo a la artista sentada inmóvil frente a los visitantes de la exposición monográfica. 

Aquí, sin embargo, el valor de la presencia no se afirma mediante la serena imperturbabilidad de la ataraxia artística, sino a través de la interacción personal y el diálogo arquitectónico, sea en los talleres que se desarrollan a la vista del público, sea en las intervenciones de los arquitectos en diferentes escuelas españolas, que conjuntamente persiguen hacer de la exposición un manifiesto proactivo, desbordando los límites espaciales y temporales de la muestra para insertarse en un proceso de transformación colectiva.

Comissario de la exposición, Luis Fernández-Galiano.

EXPOSIÇÃO: Harry Seidler: arquitetura, arte e design colaborativo (SPO)


Museu da Casa Brasileira, São Paulo
Visitação até 06 de abril. De terça a domingo, das 10h ás 18h

O Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, apresenta exposição sobre o arquiteto Harry Seidler (1923-2006), considerado um dos precursores da arquitetura moderna australiana do século 20. “Arquitetura, arte e design colaborativo” é uma mostra itinerante, comemorativa dos 90 anos de Seidler, que já passou por Estônia, Bulgária, Canadá e Estados Unidos. O MCB será o primeiro destino da exposição na América do Sul, reforçando a atuação de destaque da instituição na difusão da arquitetura e seu papel de referência neste segmento.

Com curadoria de Vladimir Belogolovsky e co-curadoria de Wilson Barbosa Neto, a mostra reúne originais, muitos deles realizados à época dos projetos, como modelos arquitetônicos, desenhos e esboços, além de maquetes de esculturas, fotografias, filmes e documentos pessoais de Seidler. A exposição é dividida em três módulos: Casas de Sydney; Torres de Sydney; e Além de Sydney, destacando projetos célebres do arquiteto na Austrália e as principais obras desenvolvidas por ele fora do país. Especialmente para a passagem pelo Brasil, foram acrescidos documentos e imagens sobre a proximidade entre Harry Seidler e Oscar Niemeyer, revelando a influência do brasileiro em seu trabalho.

“A exposição no Brasil trata com um olhar diferente a relação entre Harry Seidler e Oscar Niemeyer, não só quando ele esteve trabalhando no país, no final dos anos 1940, mas também por sua produção ao longo da carreira”, explica Wilson Barbosa Neto, arquiteto que trabalhou entre 2009 e 2010 no escritório de Seidler em Sydney e que captou, a partir de acervos familiares, os materiais extras que compõem a mostra no MCB. “Niemeyer influenciou diretamente a produção arquitetônica de Seidler, como pode ser percebido no mural da Casa Rose Seidler (1950), esculpido pelo próprio arquiteto; no telhado de arco duplo da Casa Williamson (Casa Iglu – 1951), que remete à igreja São Francisco de Assis da Pampulha; e em obras mais recentes como a Casa Berman (1999), na linguagem curvilínea fluída da construção.”

"Durante alguns meses em 1948 eu trabalhei com Niemeyer e observei seu processo criativo, que me pareceu semelhante ao de um pintor ou escultor. Traços, gestos intuitivos, ideias apresentadas de uma maneira que aflige as mentes acostumadas a projetos racionalistas. Mas a suspeita logo some quando posteriormente se percebe como fundamentalmente inatacável é a lógica inerente, a clareza e a plausibilidade estrutural e construtiva de tudo. O talento de Niemeyer nasce, e é parte única integrante do clima, do espírito e imaginário brasileiro”, destacou Harry Seidler em texto de 1994.

3 de febrero de 2014

CAMPANHA: EU_RESTAURO edifício sede do IABsp


CAMPANHA EU_RESTAURO
Clique no link abaixo e saiba com participar. Compartilhe.

http://www.iabsp.org.br/Doacoes_iab/index.asp

O restauro do edifício sede do IABsp será um passo significativo na recuperação do Centro da Cidade. Esta ação demonstra a disposição dos arquitetos e da sociedade nesta recuperação.

A campanha eu_restauro é a oportunidade de cada um participar neste momento.

A condição do edifício revela a condição das nossas cidades. Seu restauro qualifica a nossa cidade e esse é o nosso desafio. Agora cada arquiteto, cada cidadão pode participar. A doação de cada um registra a participação de cada cidadão, de cada empresa, de cada instituição neste momento histórico.

Participe!

Convide os amigos a participar!

27 de enero de 2014

PREMIADOS: Concurso Pavilhão do Brasil na EXPO MILÃO 2015

Em ato público realizado no dia 27 de janeiro de 2014, iniciado às 10h, no Ed. Apex-Brasil, Auditório 1, SBN Qd 02 Lote 11, na cidade de Brasília-DF, na presença da Coordenação do Concurso, de representantes da Apex-Brasil e do IAB/DF, foi anunciado o resultado do Concurso Público Nacional de Arquitetura e Expografia para o Pavilhão do Brasil na EXPO MILÃO 2015.

Foram identificados os Estudos Preliminares classificados em primeiro, segundo e terceiro lugares e as 04 menções honrosas, selecionados pela Comissão Julgadora do Concurso, conforme Ata de julgamento dos trabalhos da Comissão Julgadora. Veja abaixo os projetos premiados.



22 - 5214603 - Primeiro Lugar
Pessoa Jurídica: Studio Arthur Casas
Responsável Técnico: Arthur de Mattos Casas
Responsável pelo Projeto Expográfico: Atelier Marko Brajovic

Equipe de projeto:
Arquitetura: Studio Arthur Casas
Autores: Arthur Casas
Co-Autores: Alessandra Mattar , Alexandra Kayat, Eduardo Mikowski, Gabriel Ranieri, Nara Telles, Pedro Ribeiro, Raul Cano
Textos: Luiza Costa
Curadoria: Eduardo Biz e Rony Rodrigues
Expografia e Cenografia: Atelier Marko Brajovic
Diretores de projeto: Carmela Rocha e Marko Brajovic
Colaboradores: André Romitelli e Milica Djordjevic
Escritório Técnico Italiano: Stefano Pierfrancesco Pellin e Dario Pellizzari
Estrutura: Sp Project e Paulo Freire e Miguel Brazão

Cidade: São Paulo - SP


INSCRIÇÕES: IX Bienal Iberoamericana de Arquitetura e Urbanismo 2014 em Rosário, Argentina.


Estão abertas as inscrições de trabalhos para a 9ª Bienal Iberoamericana de Arquitetura (BIAU), que acontecerá em outubro de 2014, em Rosário, Argentina.

“A BIAU ocorre desde 1998 e é patrocinada pelo governo Espanhol. Trata-se de uma importante reunião da produção arquitetônica dos países da Ibero América, Espanha e Portugal celebrada a cada dois anos. Em 2016 há a possibilidade de realizá-la em São Paulo”, informou o Conselheiro do CAU/SP, arq. e urb. Alvaro Puntoni, que será delegado representando o Brasil no evento.

Assim como nas edições anteriores, a Bienal terá quatro categorias: Panorama Ibero-Americano de Obras de Arquitetura e Urbanismo, Publicações, Trabalhos de Investigação e Prêmio Ibero-Americano de Arquitetura e Urbanismo.

Apenas obras de arquitetura e urbanismo construídas na América Latina, Portugal e Espanha, projetadas por arquitetos, individualmente ou em equipe, com data de finalização entre 1º de janeiro de 2011 e 31 de dezembro de 2013, e não apresentadas em edições anteriores, poderão ser apresentadas na Bienal Ibero-Americana de Arquitetura. Os planos e projetos de urbanismo aprovados, pelo menos inicialmente, dentro do período citado, também são objeto da convocatória. As obras poderão ser inscritas no site do evento até 31 de janeiro.

Uma vez apresentados, os trabalhos serão selecionados em cada país, ou em âmbito territorial, por um comitê de seleção do qual fará parte um delegado, que vai atuar como secretário.

Para informações sobre a apresentação das propostas, acesse:
http://www.iab.org.br/sites/default/files/Convocatoria%20IX%20BIAU_Portugues.pdf

Sobre a BIAU

A Bienal Ibero‐americana de Arquitetura e Urbanismo é uma iniciativa do Governo da Espanha, em colaboração com diversas instituições ibero‐americanas e espanholas, consolidada após a realização de oito edições anteriores como uma das referências fundamentais para compreender a situação atual e prospectiva da arquitetura e do urbanismo na comunidade ibero‐americana.

Fonte: CAU/SP

20 de enero de 2014

Concurso público para Requalificação Urbana do Centro Histórico de São José (SC)


O Instituto de Arquitetos do Brasil / Departamento Santa Catarina (IAB/SC) e a Prefeitura Municipal de São José’, através da Fundação Municipal de Cultura e Turismo de São José, lançam o edital para o Concurso Nacional para Requalificação Urbana do Centro Histórico de São José. O objetivo é selecionar o melhor projeto de estudo preliminar de arquitetura para a área considerada patrimônio histórico do município. “O concurso trata do trecho compreendido entre a Praia Comprida e o acesso a Ponta de Baixo, com foco no núcleo central do sítio – arredores da Praça Hercílio Luz e Igreja Matriz”, explica Sonia Suzete Roese, coordenadora do concurso público nacional pelo IAB/SC.

OBJETIVO
Uma das premissas exigidas pelo concurso é a criação do Parque Beco do Carioca, uma das mais antigas referências do lugar. O presidente do IAB/SC Rael Belli destaca que o estudo resgata a paisagem natural do espaço e o convívio com o mar. Podem se inscrever no concurso pessoas físicas ou jurídicas – individualmente -, ou equipes formadas por pessoas físicas – além das habilitações exigidas para o desenvolvimento dos projetos executivos dispostos na minuta do contrato. Serão três projetos premiados: o primeiro no valor de R$40 mil reais, o segundo R$20 mil reais e terceiro colocado R$10 mil reais. As inscrições seguem até 31 de janeiro de 2014, mais informações neste site, utilize o menu superior para navegar.

CRONOGRAMA
12 de DEZEMBRO de 2013: Lançamento oficial do Concurso;

12 de DEZEMBRO de 2013 a 31 de JANEIRO de 2014: divulgação e inscrições;

10 de MARÇO de 2014: Prazo limite para envio dos trabalhos;

18 de MARÇO de 2014: Data limite para recebimento dos trabalhos (18 h);

20 de MARÇO de 2014 a 22 de MARÇO de 2014: Julgamento;

25 de MARÇO de 2014: Divulgação oficial do resultado do concurso.


Fonte: IAB/SC