29 de octubre de 2010

Olimpiadas 2016 - Rio / BCMF arquitetos

Rio 2016/BCMF Arquitetos

Olimpíadas 2016 - artigo publicado no Portal Vitruvius
Rio de Janeiro, 2008

BCMF Arquitetos [Bruno Campos, Marcelo Fontes y Silvio Todeschi]


Rio 2016
Depois de liderar, em 2005, a equipe multidisciplinar responsável pelo premiado projeto do Complexo Esportivo de Deodoro para os Jogos Pan-americanos, realizados na capital fluminense em 2007, os arquitetos Bruno Campos e Marcelo Fontes (do escritório BCMF Arquitetos, de Belo Horizonte MG) voltam se envolver com um grande projeto arquitetônico esportivo_ desta vez o das Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.



Além de Bruno Campos e Marcelo Fontes, também participaram do projeto vencedor os arquitetos Silvio Todeschi e Carlos Teixeira, responsável pelo paisagismo. Para vencer a concorrência realizada pelo COB (Comitê Olímpico Brasileiro) em 2008, os arquitetos tomaram a decisão de não aceitar novos clientes durante o período e dedicar-se, durante quase um ano, exclusivamente à concepção da arquitetura das Olimpíadas, ao lado de 20 profissionais e parceiros de seu escritório. O Dossiê da candidatura brasileira foi considerado pelo COI (Comitê Olímpico Internacional) como da “mais alta qualidade técnica” entre as quatro cidades concorrentes – Rio, Tóquio, Chicago e Madri. No total, a BCMF entregou mais de 700 arquivos de projeto entregues ao Comitê Organizador, além das perspectivas e plantas finais incorporados ao Dossiê (1).



O escritório foi responsável pela concepção dos estudos preliminares (de arquitetura e paisagismo) da maioria das edificações que precisarão ser construídas e ampliadas, trabalhando em conjunto com a equipe Rio2016 e a consultoria internacional EKS/JBD (responsáveis pelos projetos operacionais e overlay), atendendo a tudo o que será necessário para o perfeito funcionamento das Olimpíadas, a partir dos pré-requisitos determinados pelo COI e de estratégias definidas pelo COB junto com os três níveis de Governo (Prefeitura, Estado e União). A BCMF foi responsável pela arquitetura de 17 novas instalações permanentes e a complementação de 3 instalações existentes, principalmente nas regiões da Barra da Tijuca e Deodoro (Zona Norte do Rio, onde já haviam feito o projeto do Complexo Esportivo de Deodoro para o Pan 2007). Além disso, o escritório também deu suporte para a equipe Rio 2016 no desenvolvimento de algumas instalações temporárias especiais e foi responsável pela maioria das imagens do Dossiê.



Veja o artigo completo, com inúmeras imagens com toda a referencia projetual e administrativa !!!

No hay comentarios: