18 de junio de 2009

Premiados - Concurso em Uruguai

Centro Universitario Regional Este













O objetivo do concurso foi a realização do projeto arquitetônico para a futura sede do Centro Universitario Regional Este (CURE), Universidad de la República, em Maldonado, no Uruguai. O projeto deveria incluir ainda planos de expansão do Centro Universitário e o planejamento do entorno imediato.

De acordo com o programa, tanto a proposta da edificação quanto dos elementos paisagísticos e urbanos do conjunto e do entorno imediato deveriam considerar os planos de ampliação da instituição universitária.

Segundo os promotores do concurso:
”O Centro Universitário (CURE) deve proporcionar um forte sentido de pertinência do usuário à instituição. O programa se apresenta como um conjunto de serviços e usuários que incluem docentes, estudantes, funcionários e egressos, que asseguram uma diversidade, fluidez e intensidade que são imprescindíveis para a cultura universitária. Os serviços que integram os centros são de natureza diversa: alguns especificamente acadêmicos (ensino de graduação e pós-graduação, pesquisa, extensão, entre outros) e outros que procuram atender às demais necessidades da população universitária (esportes, lazer, cultura, cidadania, etc).


Os centros universitários são conjuntos edificados que se relacionam entre si e com o entorno imediato. Podem ter conformações diversas, de acordo com a história, as condições de implantação e as particularidades do programa. São em geral pontos de referência para a cidade e o entorno no qual se situam; constróem e qualificam os territórios urbanos e as respectivas regiões.

Os centros universitários devem interagir com as redes de atividades e serviços locais, potencializando e favorecendo o seu desenvolvimento. A estrutura física a ser projetada deverá, portanto, considerar o dinamismo e a mudança como aspectos decisivos do processo acadêmico contemporâneo, assim como as aspirações de transformação e desenvolvimento a médio e longo prazo da Universidad de la República. Para isso, o projeto deverá contemplar uma lógica capaz de responder ao crescimento, à flexibilidade, à adaptabilidade e a construção em etapas. “

Veja abaixo os projetos premiados e menções:

1° Lugar – Ángel Santiago Lenzi Batto / Álvaro José Toledo Martínez
















2° Lugar – Conrado Pintos / Pablo Kelbauskas / Victor Lorieto / Luis Santellán


























3° Lugar – mbad arquitectos – Adrián Durán / Mario Báez





































Menção 1 – Paulo González / Alejandro Acosta / Carlos Labat / Nicolás Scioscia












Menção 2 – Alejandra Bruzzone







Menção 3 – Gonzalo Rivas Zinno / Andrés Cardoso Ciganda / Santiago Gastambide Norbis / Federico Rolando Abal / Mariana Zúñiga Pavan












Menção Especial – Andrés Gómez (Director de equipo) / Armendares / Ferreiro / Leunda / Dufrechou







No hay comentarios: